Como construir dentro do meu orçamento?

11 de Julho de 2017, 11:05

110610olho f 010

O momento de construirmos ou reformarmos sempre começa com muitos sonhos, alegrias e expectativas...

O momento de construirmos ou reformarmos sempre começa com muitos sonhos, alegrias e expectativas, horas sonhando como será ou como ficará a minha casa, entre outras tantas coisas, para garantirmos nosso sucesso porém é necessário tomarmos alguns cuidados para que a tão sonhada construção ou reforma da casa não se torne uma dor de cabeça. Reclamações do tipo: Gastei o dobro do que queria gastar, o material foi desperdiçado, vou matar o meu pedreiro, são reclamações constantes e que fazem como que todo o sonho inicial da nova construção vire em muitas vezes um inferno e pior de tudo sem data para acabar. Vamos ver abaixo um pequeno roteiro para construirmos e reformas dentro da nossa realidade financeira:

PROJETO
Tudo deve iniciar pelo projeto, antes do inicio de um projeto devemos contratar um profissional: engenheiro, arquiteto ou designer de interiores, sendo que o designer de interiores não pode fazer projeto arquitetônico e nem alterar elementos estruturais de projetos (vigas, pilares e lajes). Contrato o profissional e hora de começarmos o projeto que deve conter  todas as informações necessárias para a execução sendo que para a correta execução os seguintes projetos devem ser realizados:

Projeto Arquitetônico: Plantas baixas, Cortes, Fachadas, Cobertura, Revestimento de piso e parede.

Projeto Estrutural: Todas as ferragens de vigas, pilares e lajes assim como soluções para possíveis alterações tais como: retirada de uma pilar.

Projeto Elétrico: Deve conter todas as informações referentes carga elétrica prevista, espessura da fiação, tomadas e interruptores, pontos de iluminação e de climatização.

Projeto Hidrosanitário: Deve conter informações das ligações dos tubos e conexões, aparelhos sanitários (louças e metais) e de reaproveitamento de água da chuva que já é um requisito solicitado na maioria das cidades brasileiras,  projeto de tratamento de efluentes (esgoto sanitário), Projeto de aquecimento solar.

Projeto de Interiores: Envolve os projetos de paginação de gesso, projeto de mobiliário, paginação de acabamentos (pisos, azulejos), projeto de iluminação.

Para obras maiores ainda é necessário os seguintes projetos: Preventivo de Incêndio, Para Raio, iluminação de emergência, TV a Cabo, Interfone e internet.

Agora sim de posse de todos os projeto, podemos começar a pensar na execução.

DICA : SEM PROJETO NÃO TEMOS COMO LEVANTAR OS CUSTOS DA OBRA PORTANTO NÃO SABEREMOS COM PRECISÃO O QUANTO VAMOS GASTAR, SEM PROJETO NÃO DEVEMOS EXECUTAR NEHUMA TAREFA.

DICA : SEMPRE CONTRATE UM PROFISSIONAL QUALIFICADO PARA ELABORAR OS PROJETO.

Fonte: Estudio A Arquitetura

COMENTAR

0 Comentário(s)